segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

O leite não diminui após os 6 meses


Marina mamando no clube
aos 7 meses e meio de idade
 Já ouvi muita gente dizer que desmamou o bebê aos seis meses porque seu leite diminuiu muito.

Realmente é o que parece à primeira vista. No entanto, observando o meu leite vi que esta não é a realidade e pensei em algumas hípóteses.

Fisiologicamente, o que acontece é que, após os seis meses, o reflexo de descida fica realmente um pouco mais lento, ou seja, o leite demora mais a descer após o bebê começar a sugar. São apenas uns segundos a mais, mas o suficiente para um bebê impaciente reclamar e chorar. Então, a mãe pensa que seu leite está "secando".

Uma outra situação é que, muitas vezes, o bebê nesta idade está fazendo uso de mamadeira e/ou chupeta e já perdeu a habilidade de sugar o peito, aí então realmente o leite pode estar reduzido devido à sucção ineficaz. A mamadeira, inclusive, acostuma o bebê a ter o leite em maior quantidade e com pouco esforço, fazendo com que se irrite ao ter que "esperar" o leite descer no peito após algumas sucções.

Uma outra situação que pode fazer com que a mãe pense que o leite está "secando" é que, antes, independentemente da quantidade de leite armazenada na mama, o bebê não via problemas em ficar ali, só sugando até o leite aparecer (à noite, por exemplo, quando a quantidade de leite armazenada na mama é menor) e, hoje, por ser um bebê maior, quer mamar, mais rápido, uma quantidade maior de leite (afinal de contas, ele tem seus brinquedos agora!) e também pode reclamar.

Por esta razão, nesta idade é importante e essencial ao seu desenvolvimento a introdução de novos alimentos (frutas e papas salgadas), pois assim, há tempo suficiente, entre um papá e outro para que seu peito encha novamente e seu bebê não tenha que fazer tanto esforço para sugar e possa alimentar-se com a quantidade ideal de leite para sua necesisdade.

Embora a Marina não reclame pois ainda gosta muito de estar ao peito (às vezes faz só uns hum hum enquanto suga...), sempre que possível, intercalo mamá com papá, assim o peito fica repletinho e ela não precisa ficar se esforçar tanto, pode mamar um tantão rapidinho e voltar a brincar!!!!!

5 comentários:

  1. Pois é Fabi,eu tinha medo do meu leite diminuir agora que ele esta começando a comer papinha, mas pelo que tenho visto esta do mesmo jeitinho, na quantidade certa que ele precisa!Graças a Deus, pq amo amamentá-lo e quero continuar até quando eu puder e ele querer!
    O João Vitor mama com tanta vontade que tbém faz.." hum,hum..." uns barulhinhos de satisfação,é muito bom vê-lo assim mamando com tanta vontade!
    bjos... ah e depois de conto da mamada deitada!

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do seu relato Fabi. Alice fez 6 meses esta semana e voltei a trabalhar ha uns 15 dias. mantenho a produção do leite ordenhando no trabalho e tomando MUITA água, o q tb ajuda. Quero amamentar por muito tempo e não meço esforços pra isso. Ela ama mamar e eu me sinto feliz em poder proporcionar isso a ela.
    muito gostoso não acha?

    ResponderExcluir
  3. Relato muito interessante! Este assunto é muito pouco falado!

    http://ser-cor-de-rosa.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Isso acontece comigo também. Minha bebê tá com 9 meses e o leite demora a descer principalmente de noite. Ela fica revoltada e chega a morder o peito as vezes!!! Mas tento manter a calma e logo desce. Pra trocar de um peito pra o outro também ela reclama kkkkk mas é normal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito legal a maneira que vc está conduzindo essa situação! obrigada por compartilhar e... muito tetê pra vcs! Bjs

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...