quarta-feira, 10 de novembro de 2010

As "Fases do bebê" - Segundo mês

Agora tudo melhora.

Você e seu bebê já se conhecem mais e o papai já consegue interagir um pouco mais, pois fica mais tranquilo também porque já dá para definir os choros, o bebê enxerga que você está perto e não precisa mais tanto do peito para saber que você está lá. Embora a Marina dê um certo trabalho para dormir à noite... Mesmo assim, mamadas ainda de 2/2 horas mais ou menos, dormidinhas longas durante o dia e, no meu caso, o início dos espaçamentos das mamadas à noite.

Se você chegou até aqui sem o uso da chupeta, você não precisará mais dela. Não tente colocá-la. Se usou, este é um bom momento para tirar, antes que ela atrapalhe mais.

Os primeiros sorrisos sociais também começam. Aí é aquela alegria! Os olhos se fixam em coisas coloridas, por pouco tempo, mas já é alguma coisa para quem não via nada. O bebê começa a olhar pela janela do carro. Os pais e, principalmente os avós, ficam bobos com essas descobertas...Os avós começam: como esse bebê é precoce...parece que esquecem que nós fazíamos tudo isso também heheheh.

A Marina, neste mês, encontrou as mãos para chupar. Uma maravilha! No final do dia pode contabilizar umas 3 horas a menos de peito! Se o bebê usa chupeta, ele vai derrubá-la para colocar a mãozinha na boca. Não coloque a chupeta de volta! Aproveite para tirá-la de vez! O bebê prefere a mão à chupeta. A mão não desmama, a chupeta sim.

Neste e no terceiro mês o que ocorreu bastante aqui com a Marina foi a passagem dos "meteoros". Eu digo  que às vezes passava um meteoro aqui em casa e a Marina queria ficar no peito durante 40 minutos até uma hora. Para quem mamava durante 15 minutos isso era uma eternidade. Depois vi que eram os tais picos de crescimento ou de desenvolvimento.

Nunca comi tanto na minha vida quanto nesses primeiros três meses. o Bebê cresce muito nessa fase e o nosso gasto energético é muito grante, então passei mal várias vezes por já ter perdido todo o peso da gestação e então tive que brigar contra a balança para me manter 2 a 3 Kg acima do meu peso normal. Percebi que com esse adicional eu me sentia melhor amamentando. Pensarei em regime só lá pra frente, por enquanto Marina ainda precisa de mim.

Compramos uma cadeirinha da Fisher Price (que os amigos Ju e Ivan trouxeram dos EUA). A Marina amou aquele treme-treme, pôde sair um pouco do carrinho (que estava na fase do "espinho" ainda) e me deixou com as mãos mais livres também. Ela gostava até de dormir lá.

Compramos também um cadeirão da Peg-Pérego (TataMia), que tem um balancinho que ela adora. Me deixou também com as mãos um pouco livres para fazer almoço/janta. (Esse foi um super-investimento em termos de preço mas de benefício também!).

O banho passou a ser de chuveiro também. Uma delícia! O papai adorou e nos economizou um certo tempo. Ela adora e até dorme no calorzinho da água.
Calma que a independência do bebê só tende a aumentar e, para falar sério, você sentirá falta desse tempo. Prepare-se psicologicamente para não sofrer de saudades depois...

Seguir para:
As "Fases do bebê" - Primeira semana
As "Fases do bebê" - Primeiro mês
As "Fases do bebê" - Terceiro e quarto meses

Um comentário:

  1. Como era sua rotina nessa fase , horários de acordar e dormir e as sonecas ?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...